Export iten: EndNote BibTex

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.upf.br/jspui/handle/tede/536
Tipo do documento: Dissertação
Título: Exserohilum turcicum em milho: caracterização morfológica e patológica, associação a sementes e sensibilidade a fungicidas
Título(s) alternativo(s): Exserohilum turcicum in maize: morphological and pathological characterization, seed association and sensitivity to fungicides
Autor: Rossi, Roberto Luis de 
Primeiro orientador: Reis, Erlei Melo
Resumo: A helmintosporiose do milho, causada pelo fungo Exserohilum turcicum (Et), tornou-se uma doença importante em regiões da Argentina e do Brasil, em especial naquelas com ambiente favorável à doença. Muitas empresas produtoras de sementes de milho trabalham em ambos os países e geralmente existe intercâmbio de material genético visando selecionar híbridos melhor adaptados a cada região produtora. Devido a esse fato, é fundamental a disponibilidade de informação sob o patossistema para direcionar estratégias de manejo. Os objetivos deste trabalho foram: (i) comparar as características morfológicas dos conídios de Et, sua patogenicidade em híbrido de milho, de isolados da Argentina e do Brasil; (ii) desenvolver um método de detecção do fungo e quantificar sua presença infectando e/ou infestando sementes de milho e milho pipoca; (iii) identificar metodologia para a inoculação artificial de sementes de milho com Et e utilizar as sementes infectadas para descrever e quantificar o processo de transmissão do fungo da semente para os órgãos aéreos, (iv) determinar a sensibilidade miceliana de dez isolados de Et, cinco da Argentina e cinco do Brasil, a seis fungicidas utilizados em tratamentos de sementes. Os ensaios foram desenvolvidos na Universidade de Passo Fundo durante os anos 2011 e 2012. Foram mensurados e caracterizados 200 conidios de cada isolado. Na comprovacao da patogenicidade, plantas de milho do hibrido P1630 foram inoculadas com a deposicao de uma suspensao de conidios de Et no cartucho e decorridas duas semanas, quantificou-se o numero de lesoes/folha e a mensuracao das lesoes. Foram testados distintos meios e metodos de deteccao do patogeno em sementes utilizando-se sementes infectadas artificialmente. O metodo mais sensivel foi utilizadas em sementes comerciais infectadas e infestadas naturalmente com Et. Foram testados diferentes metodos de inoculacao de sementes, e avaliada a incidencia de Et e a germinacao das sementes para descrever a transmissao aos orgaos aereos. A sensibilidade miceliana foi realizada in vitro utilizando placas de petri com meio de cultura batata-dextrose-agar (BDA) suplementado com fungicidas nas concentracoes de 0; 0,01; 0,1; 1; 10; 25 e 50 mg/L. Na media, os conidios mediram 10-25 x 30-135 um, apresentando 2-8 septos; e coincidiram com as registradas na literatura. Os dez isolados produziram uma media de 2,5 lesoes/folha, nao observando-se diferencas significativas na patogenicidade dos dez isolados. Foi obtido um meio semi-seletivo composto de: i) sulfato de estreptomicina 500 mg/L, ii) sulfato de neomicina 600 mg/L iii) carbendazim 60 mg/L, e iv) captana 30 mg/L, agregados ao meio de lactose caseína hidrolisada ágar (LCHA). Com o meio semi-seletivo detectou-se o fungo em sementes de milho infectadas naturalmente com 0,124% de incidência (media de dez amostras) e determinou-se também a infestação de semente de milho, com 1,04 conídios por semente. Não foi possível detectar o fungo em órgãos aéreos a partir de sementes infectadas. Foi possível obter infecção artificial das sementes de milho com Et pela exposição da semente ao micélio do fungo. O principio ativo iprodiona foi o mais potente para o controle de Et, seguido pelo fludioxonil e tiram. Os fungicidas carbendazim, metalaxil e captana foram classificados como não fungitóxicos a Et. Os resultados obtidos neste trabalho, quanto a CI50, podem ser utilizados como valores de referência para próximos estudos
Abstract: The northern corn leaf blotch, caused by the fungus Exserohilum turcicum (Et), has become an important disease in parts of Argentina and Brazil, in particular those with environment favorable for disease. Many companies conduct corn seed work in both countries, and there is usually exchange of genetic material in order to select hybrids better adapted to each region. Because of this, it is essential the availability of information in the pathosystem to guide management strategies. The objectives of this study were to: (i) compare the morphological characteristics of Et conidia, its pathogenicity in hybrid corn, isolated from Argentina and Brazil, (ii) develop a sensitive method for detection and quantification of the fungus infecting/infesting seed corn and popcorn, (iii) identify methodology for artificial seed corn inoculation and utilize the infected seeds to describe and quantify the transmission process from seeds to aerial organs, (iv) determine the mycelial sensitivity of Et ten isolates, five from Argentina and five in Brazil, six fungicides used in seed treatments. The tests were performed at the University of Passo Fundo during the years 2011 and 2012. Were measured and characterized 200 spores of each isolate. To confirm the fungus pathogenicity, corn plants were inoculated with the deposition of a conidia suspension of Et in the whorl and after two weeks quantified the number of lesions/leaf and the measured lesion length. We tested different media/methods for detection of pathogen in seeds using artificially infected seeds. The most sensitive method was used in commercial seed naturally infected and infested with Et. We tested different methods of seed inoculation and assessed the incidence of Et and germination and to describe the transmission to the aerial organs. The sensitivity mycelium was performed in vitro using petri dishes with culture medium potato dextrose agar (PDA) supplemented with concentrations of 0, 0.01, 0.1, 1, 10, 25 and 50 mg/L. On the average conidia measured 10-25 x 30-135 μm, with 2-8 septa, the measured characteristics matched those reported in the literature. The ten isolates produced an average of 2.5 lesions/leaf, was not seen significant differences in pathogenicity among the ten isolates. A semi-selective medium consisting of: i) streptomycin sulfate 500 mg/L, ii) neomycin sulfate 600 mg/L iii) carbendazim 60 mg/L, and iv) captan 30 mg/L, added to the medium lactose hydrolysed casein agar (LCHA) was selected. With the semi-selective medium Et fungus was detected in corn seeds naturally infected with 0.124% incidence. It was also determined and corn seed infestation with 1.04 conidia/seed. Although it was not possible to detect the fungus transmission to aerial organs from seeds, it was succeeded in artificially infected seed corn with Et by exposing the seed to the mycelium of the fungus. The active ingredient iprodione was the most powerful to control Et, followed by fludioxonil and thiram. The fungicides carbendazim, metalaxyl and captan were classified as non-fungitoxic the Et. The IC50 values, may be used as reference values for future studies
Palavras-chave: Plantas - Efeito dos fungicidas
Fitopatologia
Milho - Sementes
Plants, Effect of fungicides on
Plant diseases
Corn - Seeds
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::AGRONOMIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade de Passo Fundo
Sigla da instituição: UPF
Departamento: Faculdade de Agronomia e Medicina Veterinária – FAMV
Programa: Programa de Pós-Graduação em Agronomia
Citação: ROSSI, Roberto Luis de. Exserohilum turcicum em milho: caracterização morfológica e patológica, associação a sementes e sensibilidade a fungicidas. 2012. 151 f. Dissertação (Mestrado em Agronomia) - Universidade de Passo Fundo, Passo Fundo, 2012.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://10.0.217.128:8080/jspui/handle/tede/536
Data de defesa: 21-Nov-2012
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação em Agronomia



Items in TEDE are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.