Exportar este item: EndNote BibTex

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://tede.upf.br/jspui/handle/tede/1074
Tipo do documento: Dissertação
Título: O significado atribuído ao climatério na vivência de um grupo de mulheres rurais octogenárias
Autor: Lanferdini, Isabel Inês Zamarchi 
Primeiro orientador: Portella, Marilene Rodrigues
Resumo: No decorrer das últimas décadas uma nova conjuntura demográfica populacional mundial tem se apresentado, mostrando um aumento significativo na longevidade humana, sendo, esta, maior na população feminina, aumentando, com isso, o período vivenciado pelas mulheres na fase climatérica e menopáusica. Ao encontro dessa constatação, o presente estudo tem como objetivo conhecer a significação do climatério na vivência de um grupo de mulheres octogenárias rurais. Trata-se de um estudo com abordagem qualitativa, que propôs como coleta de dados a narrativa; os sujeitos da pesquisa foram sete mulheres octogenárias rurais de descendência italiana, de uma comunidade rural no interior do Rio Grande do Sul. Os dados foram analisados através da análise de conteúdo proposta especificamente, a técnica da análise temática de Minayo (2004). Da apreciação dos dados eclodiram as seguintes categorias: significação do climatério na vivência de um grupo de mulheres octogenárias rurais; mãe, nona, sogra e parteira: práticas de cuidados na rede de vizinhança das mulheres rurais; o viver e envelhecer da mulher rural convivendo com a pobreza e seus agravos; a construção da identidade da mulher octogenária: trajetória de trabalho, cuidado da família e obediência as leis da igreja. A narrativa evidencia: o climatério/menopausa era esperado positivamente pela mulher octogenária, como um alívio pelo término da constituição familiar; os sintomas ocorriam com maior ou menor intensidade, porém não eram maximizados devido ao envolvimento social e familiar; a influência da Igreja dentro do seio familiar, social e econômico; a importância da mulher na continuidade, organização do grupo familiar, no trabalho, no fortalecimento da religiosidade e nas práticas de saúde. As narrativas sinalizam a importância dos profissionais de saúde em promover a adequação da assistência à mulher, fundada em fatores sociais, econômicos, educacionais e, principalmente, preservando a cultura
Palavras-chave: Envelhecimento
Climatério
Idosos
Cultura
Mulheres do campo
Aging
Climacteric
Aged
Culture
Rural woman
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::SAUDE COLETIVA
Idioma: por
País: 
Instituição: 
Sigla da instituição: 
Departamento: Ciências da Saúde e Ciências Biológicas
Programa: Programa de Pós-Graduação em Envelhecimento Humano
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://10.0.217.128:8080/jspui/handle/tede/1074
Data de defesa: 5-Abr-2011
Aparece nas coleções:Programa de Pós-Graduação em Envelhecimento Humano

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
2011IsabelInesZamarchiLanferdini.pdf6,8 MBAdobe PDFBaixar/Abrir Pré-Visualizar


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.